expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

"A verdadeira sabedoria para vivermos neste planeta, consiste em percebermos que este é um grande e frágil ser vivo, se pensarmos em relação a vastidão do Cosmos.

Cada planta e animal, faz parte de um complexo sistema de inter-relações onde a mais frágil das criaturas tem o seu papel para manter o equilíbrio e a vida na Terra.

Quando entendemos e assimilamos esta realidade para nossas vidas, tudo se torna compreensível, belo e sua interação com a natureza é plena."

3 de dezembro de 2020

NATUREZA E SUPRANATUREZA

Natureza
É um conjunto de forças, seres, leis e energias que compõem a contraparte material da manifestação de um Logos (núcleo de consciência e de pura energia, que pode ser o ponto focal para a criação e sustentação de um universo). Por ter a mente desenvolvida em algum grau e por exercer o livre-arbítrio dentro de certos limites, o reino humano pode seguir ou não às leis da Natureza. No Plano Evolutivo estava previsto que ele conhecesse essas leis e colaborasse na sua obra, mas não foi o que de modo geral ocorreu. A natureza de um planeta está incluída em uma vida mais ampla e a harmonia que procura manter tem em vista conjunturas tanto planetárias como extraplanetárias. Assim, quando a ordem e o equilíbrio de um planeta se perdem, as forças da Natureza reagem, conduzidas por consciências cósmicas que sabem qual é o Plano Maior, não só para ele mas para o universo no qual está inserido. Essas forças que a Natureza possui representam para ela o mesmo que a capacidade de agir, sentir e pensar representa para o homem: são os meios de ela conduzir como uma entidade que também tem desenvolvimentos a fazer e um programa de evolução a cumprir. Um dos propósitos para o homem futuro será o contato consciente com as metas da Natureza, hoje ocultas, e o auxílio na sua realização, o que poderá suceder tão logo ele se integre nas energias e leis da Supranatureza.
Supranatureza
Inteligência regedora da Natureza; poder e vida que a anima e sustém sua evolução. É regida por leis suprafísicas, com as quais a humanidade deverá interagir conscientemente no ciclo futuro. É a face oculta da Natureza e nela ancoram o poder e a vontade do Logos planetário. As civilizações intraterrenas relacionam-se com a Supranatureza assim como a humanidade da superfície terrestre se relaciona com a Natureza. Hoje, época de transição, alguns membros desta humanidade principiam a contatar a Suprenatureza, a título de preparação para a fase vindoura e como meio de prestar maior serviço ao mundo.

Texto extraído do livro: Glossário Esotérico

2 de dezembro de 2020

DEVAS DAS ÁRVORES

Conexão e Cooperação
As energias que representamos estão sempre ao alcance de seres humanos compassivos. Estão claramente neste lugar, longe das dispersões da civilização, mas estão também em toda parte.
O que talvez vocês não saibam é que o fato de nos reconhecerem resulta num contato mais forte, porque é baseado na verdade e capaz de proporcionar uma porta para comunicação e cooperação mais intensas. Isso é necessário para o bem-estar da humanidade, que se aproxima da alegria de se tornar, em maior grau, parte da unidade do planeta. É preciso construir sobre esse quadro positivo, compartilhar a alegria dos lugares silvestres que há no mundo e levar essa alegria conosco. Não podemos deixar de compartilhá-la, porque nela vivemos. O mesmo se aplica a você, visto que está aprendendo a ser o que verdadeiramente é.

Mensagem extraída do livro: O Chamado das Árvores

16 de outubro de 2020

A VIDA DENTRO DE NÓS

Ampliações

Mantidas as devidas proporções, todas as formas - o homem, os animais, os vegetais e também as células - tem uma consciência (percepção do que é realidade, o que varia conforme o nível evolutivo) . Essa consciência vai ficando mais ampla à medida que se avança na hierarquia das formas. Sendo assim, torna-se óbvio que o planeta Terra possui uma consciência e esta é muito mais complexa que a nossa. Também somos células do planeta Terra, uma mínima  parte de seu corpo. Sua consciência é mais abrangente que a nossa, pois nos abarca. Evidentemente, a Terra deve possuir uma tarefa individual enquanto planeta e uma tarefa grupal enquanto entidade inserida em outro ser maior e mais amplo ainda: o sistema solar.
O mesmo raciocínio pode ser feito com o Sol, entidade-núcleo deste sistema. Uma de suas tarefas grupais pode ser facilmente reconhecida: ele é a nossa fonte de vida. Toda a energia deste sistema é originária dele. Identificamos o elevado grau de sua consciência e nível evolutivo quando observamos a amplitude de sua tarefa "grupal", sua irradiação. Ele doa energia para todo o sistema ininterrupta e incondicionalmente. Os homens constroem aparatos que armazenam energia solar. Depois os vendem. Acumulam bens e poder. Utilizam esse poder para dominar os semelhantes, gerando sofrimento. E, apesar de tudo, o Sol continua cumprindo sua parte.
Células que formam seres que formam plantas que formam sistemas que formam universos. Vidas formadas por vidas, sucessivamente, infinitamente.
Reconhecemos ser difícil imaginar tamanha grandiosidade de existência; mas está ao nosso alcance perceber que o Cosmos infinito é um Ser vivo, animado por uma Consciência também infinita.

Texto extraído do Livro: A vida dentro de nós
Autor: Dr. Hélio Holperin